Turnover em alta: melhore a retenção nas empresas

A alta rotatividade de funcionários, também conhecida como turnover, é um desafio em todo o mundo. No Brasil não é diferente.

Segundo pesquisa do LinkedIn 75% dos profissionais brasileiros consideram mudar de emprego este ano. Estamos atrás apenas dos Estados Unidos (85%), empatados com o Reino Unido (75%), e seguido pela Irlanda (73%) e Alemanha (71%).

Além disso, as demissões voluntárias também crescem. Em 2023, o número de profissionais que decidiram sair do emprego foi 34% maior. 

Definição de turnover

É a taxa que representa a diferença entre o número de funcionários admitidos e aqueles que saíram de uma organização dentro de um determinado período de tempo. 

Um certo nível de rotatividade é inevitável e até mesmo saudável para a empresa, pois promove diversidade no ambiente. Mas números altos trazem impactos negativos. 

Além dos efeitos da alta rotatividade de funcionários nas empresas, vamos falar de estratégias para aumentar a retenção e reduzir o entra-e-sai de colaboradores.

Impactos da Alta Rotatividade de Funcionários

Custos

A alta rotatividade é cara. Os custos diretos incluem as despesas de recrutamento, onboarding, treinamento e produtividade. 

Produtividade

Em relação a produtividade da equipe e a qualidade do trabalho, a mudança contínua no grupo de trabalho cria lacunas de conhecimento e reduz a eficiência.

Cultura organizacional

Já na cultura, os funcionários que ficam são impactados. O clima predominante pode ser de incerteza e instabilidade. Os funcionários restantes se sentem menos engajados nos projetos e por consequência buscarem outros desafios também.

Reputação 

A rotatividade contamina a reputação da empresa no mercado de trabalho. Empresas com altos índices de turnover podem ser vistas como instáveis ​​ou pouco atraentes para potenciais candidatos, o que significa mais gastos e esforços no recrutamento.

Como  aumentar a retenção?

Processo de recrutamento e seleção

Investir em um processo de recrutamento e seleção de qualidade pode garantir que os candidatos certos sejam contratados desde o início. 

Isso inclui a definição de requisitos de trabalho, seja da parte técnica ou comportamental, as descrições assertivas do cargo e uma avaliação cuidadosa das habilidades e da cultura do candidato fazem toda a diferença na retenção de longo prazo.

Desenvolvimento e capacitação

Oportunidades de desenvolvimento e capacitação para os funcionários aumenta o engajamento. 

Programas de treinamento, mentoria e educação ajudam a desenvolver habilidades para os colaboradores avançarem em suas carreiras dentro da organização.

Estatísticas apontam que 85% dos funcionários avaliam deixar os empregos por terem uma relação ruim com a gestão. Na Pyou, acreditamos que uma das chaves para melhorar a gestão de pessoas e reduzir o turnover é uma comunicação eficaz das lideranças e equipes.

Por isso, criamos uma trilha de formação para o desenvolvimento de líderes, durante o processo ensinamos técnicas e fornecemos ferramentas para que a liderança possa se comunicar de forma empática e construtiva para reduzir conflitos e tornar o ambiente de trabalho mais harmonioso.

Remuneração e benefícios

Salários e pacote de benefícios competitivos atraem e retém talentos. 

Os funcionários devem se sentir valorizados e recompensados pelo seu trabalho, seja através de salários competitivos, benefícios adicionais, como plano de saúde e seguro de vida, ou programas de participação nos lucros.

Lembrando que o pacote de benefícios precisa ser revisado continuamente para permanecer competitivo frente às novas gerações que ingressam no mercado de trabalho.

Cultura organizacional forte

Uma cultura organizacional forte e positiva mantém os funcionários e atrai talentos. 

Promover uma cultura de colaboração, reconhecimento e apoio mútuo aumenta o pertencimento e incentiva os funcionários a permanecer na empresa a longo prazo.

Feedback e reconhecimento

Os gestores devem estar abertos ao diálogo, oferecer orientação construtiva e reconhecer publicamente as conquistas  de cada profissional da equipe.

Porém, mais de 60% das pessoas consideram o feedback uma atividade desafiadora.

Então, vale entender se a empresa não precisa de capacitação para essa comunicação aberta e transparente.

Na Pyou, realizamos o treinamento com técnicas para ajudar nossos clientes nas mais difíceis situações de feedback. 

Isso ajuda as organizações a reduzir a rotatividade e criar um ambiente de trabalho mais estável, produtivo e satisfatório.

Melhorias no recrutamento e seleção, desenvolvimento e capacitação, remuneração competitiva, cultura organizacional e reconhecimento dos funcionários são investimentos na redução de turnover e na saúde da empresa a longo prazo. 

Para receber mais dicas siga nossas páginas no Instagram e no LinkedIn. Confira outros artigos no blog da Pyou